Artesanato: Sempre um bom conselheiro

11822382_735340763244255_2754178914097805305_n

Artesanato: Sempre um bom conselheiro

Resolvi escrever esse artigo pois, assim como você também deve ficar, tem dias que eu realmente não tenho vontade de fazer as coisas. Pode ser qualquer motivo: preguiça, estar triste, deprê, com a vibe baixa como preferir rs. E realmente nesses dias dá vontade de deixar tudo de lado.

Mas como são as coisas não é mesmo…depois que comecei a divulgar mais meu trabalho de artesanato e vídeo aulas, muitas pessoas tem me procurado e mandando e-mails e comentários no face ou aqui no site, dizendo o quão importante minhas aulas tem sido para elas.

Isso realmente tem me motivado muito, pois nesses dias de vibe baixa, em que muitas vezes penso até em desistir, uma voz interna mais forte e perseverante me fala: “Que desistir nada! Você já percorreu tanto e agora está ajudando muito mais pessoas, temos que continuar”.

E após essa luta interna entre o diabinho e anjinho rs, consigo me mexer.

O ponto crucial é esse: Você se motivar para SE MEXER! É dai que vem a nossa força interior para continuar…porque esse se mexer é o mais difícil rs, pois queremos ficar ali na zona de conforto, na preguiça, sem fazer nada de útil para nós e para o mundo…por que? Porque é mais fácil!! Na zona de conforto é confortável rs até certo ponto, pois na zona de conforto NÃO HÁ CRESCIMENTO.

Mas que vida mais chata essa eu acho viver na zona de conforto sem emoção rsrsrsrs….

Por isso que o se mexer, a vontade de fazer é tão importante.

Porque daí vamos lá para nosso cantinho e começamos a CRIAR! Colocar nossa energia em movimento! Ai as coisas começam a acontecer…

Dai, cadê aquela vibe baixa e deprê?? Foram embora pois focamos nossa atenção em algo produtivo, o desenvolver uma peça por exemplo. Criar combinações e mexer com cores!

Por isso o artesanato é tão recomendado como terapia! Porque FUNCIONA! Eu esqueço dos meus problemas quando estou “arteirando” rs, pois fico tão concentrada no que faço, que nem vejo a hora passar. E é assim que deve ser o artesanato para nós: uma válvula de escape para nos ajudar na nossa transformação.

Como já disse em um vídeo uma vez, as pessoas estão tão absortas em suas rotinas que não percebem que precisam de uma válvula de escape para suas emoções. E no artesanato, nós transformamos essas emoções negativas em algo lindo .

Quem que não fica feliz ao terminar uma peça que fica linda? É assim que me sinto quando nesse processo de me mexer para sair da baixa vibe. Ao terminar uma peça eu fico realmente feliz: a transformação do sentimento ocorreu!! Não é lindo isso? E se você achar que sua peça não ficou tão legal assim , melhor ainda, porque agora você tem chances de estudar e se aprimorar conhecendo pessoa novas, cursos novos! Tente novamente, não tenha medo de errar.

Então retomemos ao título do artigo: Artesanato: Sempre um bom conselheiro. Sim, ele sempre é para mim bom conselheiro, pois ao mergulhar em uma peça e no meu ateliê eu consigo não seguir os pensamentos negativos e vou gerar outra energia em mim. Ouça sempre o artesanato: Tá triste, vai “arteirar” rsrsrs.

E você, tem se mexido e transformado sua vida? Só depende de você.

Com amor,

Gica

Deixe seu comentário abaixo, gosto tanto =)

11822382_735340763244255_2754178914097805305_nSe você quiser, pode embarcar comigo no meu curso Forração Expert e aprender com aulas detalhadas e divertidas a forrar caixas de MDF com tecido e ter motivação para deixa a deprê de lado!! Vamos? Conheça clicando no botão abaixo!

images (1)

62 comentários em “Artesanato: Sempre um bom conselheiro

  • agosto 7, 2015 em 7:54 pm
    Permalink

    Ai Gica, nem me fale! Trabalho o dia todo e fico louca pra chegar em casa, estou cada dia mais apaixonada pelo artesanato. Também como vc, AMO tecidos …. e ai saio comprando todos que acho lindo, logo vejo uma caixa forradinha a minha frente. KKK
    Vc é muito simpática e sempre nos motivando, que Deus te abençoe e multiplique sua sabedoria e seus talentos
    Bjao com gosto de artes.;…. e bem apimentado, afinal…..sou da Bahia!
    Cheiro!

    Adelusia
    Atelie Delly Artes

    Resposta
    • agosto 7, 2015 em 8:31 pm
      Permalink

      ahahahha adoro pimenta Adelusia ahhahaha
      Isso ai, somos louquinhas por tecidos kkkkkkkkk, tenho que me controlar kkkkk

      Resposta
    • novembro 12, 2016 em 1:18 am
      Permalink

      É verdade Gica !! Criar algo, transformar coisas, objetos e etc, nos dando a oportunidade de pôr nossa energia em movimento é realmente muito prazeroso !! Não deixar essa energia ser desperdiçada com coisas negativas é libertador !!! Eu adoro !!! Você está de parabéns em sua colocação , pois é exatamente como vc falou . Abraços,

      Mônica Puchol

      Resposta
  • agosto 7, 2015 em 8:05 pm
    Permalink

    No momento que pego meu artesanato ( crochê, patch aplique …) para fazer, aos poucos meus anseios e preocupações vão ficando de lado, relaxo me envolve com a peça que estou fazendo e quando paro, minha cabeça já consegue ver por outro lado o que me encomodava. Amo fazer artesanato. Bjs

    Resposta
    • agosto 7, 2015 em 8:30 pm
      Permalink

      Isso ai Laura, exatamente! começar a ver as coisas de outra forma!

      Resposta
  • agosto 7, 2015 em 8:44 pm
    Permalink

    Olá, Gica!

    Difícil imaginar que uma moça tão alegre, criativa e inteligente como você tenha problemas a ponto de deixá-la triste. Mas concordo com você em relação ao artesanato. Acho que é mágico, pois ao fazê-lo se estamos tristes quando terminamos estamos felizes. Com um sentimento de alívio, de felicidade, de trabalho cumprido!
    Beijos e obrigada por compartilhar, mais uma vez, sua ideia!;)

    Resposta
    • agosto 7, 2015 em 8:56 pm
      Permalink

      Sim Valéria rs, tenho meus dias de baixa vibe rsrsrs, mas eu me curo no artesanato! Isso que quis passar com esse texto 😀
      Muito obrigada pelo seu comentário lindo 🙂

      Resposta
  • agosto 7, 2015 em 11:05 pm
    Permalink

    Eu também fico maluca…..não vejo a hora de me aposentar….

    Resposta
    • agosto 9, 2015 em 4:05 pm
      Permalink

      rsrsrs, vai chegar a hora Nelma rsrsrs

      Resposta
  • agosto 8, 2015 em 12:02 am
    Permalink

    Ola Gica, tudo bem, gostei do seu artigo, e bem por ai, o artesanato e muito importate em minha vida, me completa entende, quando não tenho nada para fazer e que fico muito triste, continue sempre assim bj
    Val

    Resposta
    • agosto 9, 2015 em 4:05 pm
      Permalink

      Isso ai Valdereis…artesanato é tudo de bom ne, santo remédio rsrsrs

      Resposta
    • janeiro 30, 2017 em 8:22 pm
      Permalink

      Oi Gica eu sou Elenir Gonçalves e encontrei você gostei de mais do seu trabalho amei e lindo e perfeito trabalhei muitos anos com artesanato amo tudo desse meio , mais há 2 anos perdi meu esposo ele faleceu, e eu perdi o meu chão, perdi completamente a vontade de tudo , mais durante esse período eu estou sempre tentando fazer alguma coisa mais sempre vem o desânimo muito Fort e eu largo tudo de lado eu sei que preciso reagir mais está além de mim tenho orado a Deus e sei que um dia vou conseguir. Eu estou gostando muito de suas aulas e sentindo um pouco motivada muito obrigado Deus te abençoe…

      Resposta
  • agosto 8, 2015 em 2:20 am
    Permalink

    Pois é Gica eu me sinto às vezes desta forma que vc mencionou aí. Passei e passo por um problema de saúde e o artesanato me ajudou e continua me ajudando a estar viva. Vc é suas dicas são indispensáveis para todos nós.
    Beijo em seu coração! !!

    Resposta
    • agosto 8, 2015 em 7:00 pm
      Permalink

      ô Fer que legal que posso ajudar de alguma forma 😉
      Um beijo!!

      Resposta
  • agosto 8, 2015 em 8:35 pm
    Permalink

    Concordo com você, Gica! O Artesanato é um bom conselheiro e um com companheiro. Eu me curei de uma forte depressão com ele e hoje é ele o meu companheiro de todas as horas do dia. Graças a ele hoje sou uma outra pessoa. Ainda tenho muito que aprender, e sempre encontro algo novo em suas dicas e em suas aulas. Continue sempre nos brindando com elas, pois são muito preciosas.
    Beijos. Aurora

    Resposta
    • agosto 9, 2015 em 4:04 pm
      Permalink

      Isso ai Aurora..tambem tenho muito o qu aprender e sempre terei o artesanato como meu aliado para as horas tristes e felizes 😀

      Resposta
  • agosto 8, 2015 em 11:18 pm
    Permalink

    É verdade Gica, tem dias que a pessoa está tão prá baixo que não consegue inspiração para nada.
    Mas como nada melhor do que um dia atrás do outro, aí a gente acorda cheia de vontade, senta e consegue fazer algo. É muito bom e D’us tb entende de arte e dá aquela ajuda.
    Obrigada pelo texto. Amei!
    bja, Rosa

    Resposta
    • agosto 9, 2015 em 2:56 pm
      Permalink

      Isso ai Rosa sem desanimar, vamos la!!

      Resposta
  • agosto 9, 2015 em 12:19 am
    Permalink

    Olá! Gica, tendo depressão estou em tratamento e minha terapia é o artesanato,passei por momentos muito difíceis pois tem muita gente ainda mal informada sobre essa doença ,que no lugar de ajudar atrapalham,mas achei uma pessoa muito especial que me tirou do fundo do poço,a artesã Estela Junqueira e agora você,não desista precisamos de você. Ha e essa artesã nem sabe que me ajudou. Bjs!força .

    Resposta
    • agosto 9, 2015 em 2:56 pm
      Permalink

      Simmm eu ja vi videos dela muito legal ela né Érica, que bom que temos o artesanato como nosso aliado 😀

      Resposta
      • agosto 9, 2015 em 6:29 pm
        Permalink

        E agora descobri você. Bjs!!!!!

        Resposta
        • agosto 9, 2015 em 6:36 pm
          Permalink

          obaaaaaaaaaaaaaa
          rsrsrsrs

          Resposta
  • agosto 10, 2015 em 12:25 pm
    Permalink

    Gica eu também fico com a vibe baixa, tem dias que estou desanimada com vontade de ficar em casa fazendo nada, quieta rsrs. Quando eu penso em algumas ideias, começo a colar coisas, cortar tecidos, inventar objetos decorativos pronto! O artesanato me ajudando a animar.
    Bom d +. 🙂 🙂
    Depois é só alegria…. rsrs

    Resposta
    • agosto 10, 2015 em 8:05 pm
      Permalink

      uhuuuuuuuu artesanato é puro amoooooooor rs

      Resposta
  • agosto 13, 2015 em 2:42 pm
    Permalink

    Gica!!! Me vi em seu texto, vc falou de mim em todos os detalhes rs, realmente o mais é difícil é se mexer, essa vibe baixa não quer me deixar rs, estou batalhando pra ela ir embora, na maioria dos dias quando chego do serviço vou direto pro sofá…. zona de conforto. Todo dia tento lutar… mas tá difícil…. amo artesanato, e nem isso tá me dando forças pra me animar, tenho várias peças começadas e não consigo terminar nenhuma. Me desculpa o desabafo…. mas nesse seu texto eu sou a protagonista.
    Com esse desanimo toda, nem comprar seu último curso eu comprei, pra quê? Pra eu não fazer nada!? Pra que eu deixasse mais uma peça começada!? Essa deprê tá me matando 🙁
    Eu adoro seus cursos, VOCÊ é uma PESSOA ILUMINADA, vc explica nos mínimos detalhes, vc dá o “pula do gato”, sem medo de ser feliz, medo da concorrência e isso faz vc uma pessoa muito ESPECIAL. Te adoro bjo 🙂

    Resposta
    • agosto 15, 2015 em 5:22 pm
      Permalink

      oi querida
      mas é ai que devemos nos mexer!
      o duro é começar, depois como falo aqui em casa, ”desbunda”kkkkkk
      vamos la!!!

      Resposta
  • agosto 16, 2015 em 11:14 pm
    Permalink

    pois é Gi, preciso dar um jeito em mim, meu desânimo tem sido total…tenho tantas ideias, vejo uma coisa, me interesso mas, fica nisso. Não tenho tido forças pra por essas ideias em prática, até tento mas, a coisa não caminha e, sinto que estou me afundando num poço…quero sair, mas não consigo! Acho que já até te disse que faço um curso de pintura em tecido on-line…estou com um monte de panos de copa prontos, outros pra serem terminados com um crochê ou barrado, e sem falar que estou mto atrasada com as aulas, e aí vou ficando nervosa e mais desanimada ainda… Não conheço quase ninguém aqui em Franca, e nem sei como vender esses trabalhos prontos. Preciso de ajuda amiga! Bjs!

    Resposta
  • agosto 18, 2015 em 8:48 pm
    Permalink

    Gica, você falou tudo!! Como já te falei, acabo de me aposentar e meu grande passo decisivo foi o de apostar no artesanato. Quando começo. não quero mais parar… pena que tem as obrigações do lar… mas a gente dá um jeitinho e tudo se arranja!! É tão bom exercer nossa criatividade… testar novos produtos, novas técnicas, conhecer pessoas. Conhecer você tem sido muito bom!! Obrigada!!

    Resposta
    • agosto 18, 2015 em 9:23 pm
      Permalink

      hahahhaa é essas coisas do lar affffffff
      as vezes deixo pra la pra fazer artesanato kkkkkkkkk

      Resposta
  • Pingback:Artesanato: Sempre um bom conselheiro, por Gica | Artesania

  • setembro 21, 2015 em 1:39 am
    Permalink

    Olá minha querida,para min que tenho um trabalho extresante e chegar em casa, poren muito cansada,mas o artesanato me tira o stres,me da vida,me realiza como pessoa,e muito bom esta arte, eu aconselho nao tem limite de edade, e bom para saúde tanto emocional como física,beijocas.

    Resposta
  • janeiro 9, 2016 em 9:45 am
    Permalink

    Li o artigo e achei interessante e verdadeiro. Eu como você, esqueço dos problemas quando estou fazendo algo artesanal. Dez anos atrás, uma amiga me ensino a “fuxicar” e eu amei (amo até hoje)! Foi em SP e, retornando para casa, resolvi fazer uma colcha. Tive uma crise de depressão e foi fazendo fuxico por fuxico, que esqueci da doença e sem perceber, em um mês terminei a colcha. Hora je as caixinhas estào dando um colorido especial a minha vida e com você o arco íris está formado.
    Obrigada!

    Resposta
    • janeiro 13, 2016 em 6:52 pm
      Permalink

      oinnnnnnn que lindo!!!
      eu fico tao, mas tão feliz em saber que o artesanato ajuda as pessoas na depressão….fico sem palavras de emoção!

      Resposta
  • fevereiro 23, 2016 em 11:47 am
    Permalink

    Gica linda!Amo seus trabalhos,aulas e sua maneira de fazer da aula mais que uma lição,uma divertida e animada motivação pra nós,arteiras como vc!
    O artesanato já foi uma terapia em outros tempos,ficou adormecido anos e acabei retomando meus projetos para extravasar uma momento “chatinho”que passei.Hoje sei que tudo tem hora certa para acontecer e acaso já deixou de ser coincidência há muito tempo!Deus,prepara e realiza seus feitos em nossa vida,tenhamos Fé!O dom que nos foi dado,é um presente e isso é motivação suficiente para não desistirmos jamais!Obrigada pelo espaço querida!beijinhus

    Resposta
  • março 13, 2016 em 9:17 pm
    Permalink

    Adoro os seus vídeos!! Também faço artesanato em geral. Mas o que mais gosto são MDF encapado com tecidos!! Bjssss

    Resposta
  • abril 5, 2016 em 11:10 am
    Permalink

    Artesanato para mim e uma fonte de inspiraçao magia de transformaçao e criar formas e dar vidas as peças criadas e uma fuga da realidade e entrar num mundo de magia e sonhar com o impossivel e acreditar que se e capaz isto e o artesanato pra mim eu amo artesanato pena que sou uma so pra aprender tantas coisas legais que a vida proporciona obrigada pela opotunidade

    Resposta
  • abril 5, 2016 em 4:13 pm
    Permalink

    Adoro seus vídeos, cheios de humor, alegria e satisfação pelo que faz.
    Me sinto como você com o artesanato.
    Depois de 5 longos anos de insatisfação e um sentimento de inutilidade, por motivo de saúde tive que deixar meu trabalho que eu amava de paixão descobri o artesanato.
    Nem imaginava que eu tinha um certo jeito pra coisa, e no entanto me realizo profundamente quando estou arteirando rsrsrs.
    Não vejo o tempo passar quando estou fazendo meu artesanato.
    Me realizei novamente e estou amando de paixão o artesanato assim como amava o meu antigo trabalho.
    Estou muito feliz.
    Sua alegria e amor pelo artesanato é contagiante.
    Beijos

    Resposta
  • abril 5, 2016 em 11:25 pm
    Permalink

    Oi Gica, sou iniciante, às vezes acho que não vou conseguir, vejo coisas Tão lindas no site, e vejo que ainda não estou nesse nivel. Aí me bate aquela deprê . Mas pouco tempo depois, corro pra nét, a procurar sites que ensinam a básico, porque aqui na minha cidade Criciuma SC, não tem cursos bons em feltro…Obrigada pelo que escreveu, me fortaleceu muito. Beijão amiga de feltro rsrsrs.

    Resposta
  • abril 6, 2016 em 1:20 am
    Permalink

    Olá Gica, eu adoro artesanato, comecei aprendendo pintura em tecido, adoro pintar mas começou a virar rotina já não me dava mais prazer,então fui aprender pintar garrafa e agora estou pintando caixas de MDF. Quando quero ficar sozinha por algum motivo, vou para o artesanato é a melhor terapia.
    Gosto de ver sua animação, Obrigada!

    Resposta
  • abril 6, 2016 em 4:50 pm
    Permalink

    No ano que vem completo Bodas de Ouro com o artesanato. Comecei aos 6 anos aprendendo a bordar com minha Dinda e depois seguiu, ensinados por minha mãe, o tricô, crochê, “aplicação” em tecido (sim, aplicação, porque desenhávamos no tecido e aplicávamos as partes com caseado) e não parei mais. Descobri novas técnicas e não me separo nunca. Tem uma história bem interessante que se passou com meu filho menor (hoje 28 anos): prontos para ir a um casamento, ele saiu correndo e pegou meu cestinho de trabalho e me alcançou dizendo – esqueceu mamãe. Sempre tenho algo na bolsa para fazer, seja no médico, ônibus, etc… Sou feliz!

    Resposta
  • abril 8, 2016 em 12:45 pm
    Permalink

    Gica, bom dia! o artesanato, especificamente o patchwork, para mim veio em um momento que precisei e foquei de cabeça, pois depois de 30 anos de serviço bancário, me vi aposentada e sem o ter que fazer, cada hora fazia uma coisa, até que resolvi me dedicar a essa técnica, isso em 2007, foi tudo de bom na minha vida, pois quando me dei conta estava envolvida e me realizando novamente profissionalmente, e hoje vejo o quanto ajudei muitas mulheres que viram nesse trabalho a sua realização também, e muitas a sair da depressão, do vazio que ás vezes sentimos, pois o trabalho de casa por ser cansativo, quando você tem um refúgio que te tira da realidade e te transporta para um mundo que sua cabeça começa a aprender e criar, isso é maravilhoso, ver que sai da sua cabeça para suas mãos é muito gratificante, ver um trabalho pronto, lindo aos seus olhos e ai agradecemos a Deus, por mais essa oportunidade. E tenho certeza que vou ainda realizar meu sonho de ensinar minha técnica que estou finalizando, para mais uma vez uma realização! E quando vemos esses depoimentos que nos ajudam ainda mais, obrigada pela oportunidade! bjs

    Resposta
  • abril 9, 2016 em 3:39 pm
    Permalink

    Gica, tudo começou quando descobri que estava com câncer no intestino, figado e pulmão, fiquei sem tato nas mãos por causa da quimioterapia, o oncologista disse pra mim, D. Edna procura fazer um trabalho artesanal pois é uma excelente terapia, foi ai que me identifiquei com a bijuteria, foi muito difícil no inicio, as minhas mãos doía muito, deixava tudo cair, mais não desisti, sou apaixonada pela biju, mais faço outros artesanatos, desde 2012. Quando termino uma peça me sinto realizada mesmo ainda em tratamento de câncer. Sempre que posso estou na net assistindo videos Eu sou muito feliz.
    Deus te Abençoe Hoje e Sempre
    Carinhosamente Edna

    Resposta
    • abril 22, 2016 em 7:12 pm
      Permalink

      oinnnn que lindo Edna!!!
      Fiquei tao feliz em ver que está feliz com o artesanato e com a vida 😀
      Gratidão!

      Resposta
  • junho 26, 2016 em 11:06 am
    Permalink

    Olá Gica tudo ben?
    Sempre fui apaixonada por caixas,de muito pequena forre a minha primeira caixinha,voltei a fazer depois de
    muitos anos,agora faco,caixas,enfeites e até moveis,e relajante,tira o stress e cada dia estou mais envolvida,
    trabalho em outra área, porém poco estar muito cansada sempre estou vendo os emails que recebo.Vc foi a primeira que eu adicione a meus contatos,sempre vivendo e aprendendo,éxitos para vc e para todas as pessoas que estao no Artesanato,beijos no seu coracao!!!!.

    Resposta
  • agosto 29, 2016 em 4:30 pm
    Permalink

    Gica, ter encontrado você nas redes sócias foi minha salvação para inicio de tratamento transtorno de ansiedade, estou na luta para superar e quando vejo seus vídeos é melhor coisa para mim, estou fazendo vários trabalhos através da sua inspiração, não pare continue pode ter certeza que você esta ajudando muitas pessoas com seu carisma. Muito obrigada por responder meu email com os trabalhos que te mandei, estou muito motivada.

    Bjs

    Resposta
  • outubro 16, 2016 em 4:37 pm
    Permalink

    Eu sou assim tbm gica esses dias ayras fiquei alguns dias sem vontade de fazer nada mas os diabinhos e anjinhos buzinavam no meu ouvido tbm e foi ai que levantei da kinha cama sai do meu quarto e sentei na mesa pra mexer em minhas coisas e eu achei que ficaram lindas as coisas que criei foi bom mas é assim msm o pessimismo sempre vem mas cabe a nós manda-los embora

    Resposta
  • novembro 8, 2016 em 11:57 am
    Permalink

    Adorei sua mensagem, pois, algumas vezes isso de negativo me pega e fico meio que acamada mesmo.
    Vou imprimir e colocar na minha pasta de Artesanatos.
    Estou radiante com suas aulas, e muito obrigada pela sua disponibilidade em dividir conhecimentos.
    Abraço carinhoso.

    Mágda Júlio

    Resposta
  • novembro 11, 2016 em 1:07 pm
    Permalink

    Bom dia esperei um pouco antes de fazer qualquer comentário.
    Também tenho meus dias que nem eu mesmo me suporto de tanta vontade de não fazer nada, mas como que uma fada apareceu no meu caminho, então, passou uma vontade de criar algo diferente que ocupava minha mente todo tempo.
    Fiz o primeiro trabalho de encapar a caixa de sapato, adorei, agora tô pedindo pra família todas as caixas de sapatos.
    Então é isso, estou muito feliz com o rumo oposto que minha vida deu,
    Beijinhos doces
    Selma

    Resposta
  • novembro 11, 2016 em 2:39 pm
    Permalink

    olá, o artesanato pra mim é vida, é uma terapia depois de chegar cansada do trabalho, cuidar da minha amada familia, dos meus cachorros que eu amo, e tirar um tempinho para meus artesanatos. AMO TUDO ISSO.

    Resposta
  • novembro 12, 2016 em 12:17 pm
    Permalink

    Bom dia! Adorei esse seu artigo…. é exatamente assim comigo. Comecei a fazer artesanato antes de me aposentar…. tinha muito receio da aposentadoria, achei que não fosse progredir com o artesanato, que não fosse preencher meu tempo, por isso adiei o máximo que pude pra aposentar. Hj acho que valeu a pena, Tenho participado de feiras, conheci pessoas novas…. o artesanato pra mim abriu portas para novos conhecimentos e novas pessoas.
    Com esse curso e seu estimulo, sinto que ainda vou longe…..Obrigada pelo carinho e por partilhar seus conhecimentos.

    Abraços
    Teresinha

    Resposta
  • novembro 16, 2016 em 12:31 pm
    Permalink

    Oi Gica, adorei seu artigo, hoje estou nestes dias de tristeza, mas vamos lá dá um ponta pé no baixo astral e nos deliciar no artesanato. Bjs. e muito obrigada pelo seu carinho para todas nós.

    Resposta
  • novembro 21, 2016 em 12:26 pm
    Permalink

    Gica adorei o artigo te acompanho direto, amo suas explicações sempre fáceis e dicas maravilhosas. Você é minha terapeuta rs.
    Parabéns pelo belo trabalho.

    Resposta
  • novembro 21, 2016 em 12:26 pm
    Permalink

    Gica adorei o artigo te acompanho direto, amo suas explicações sempre fáceis e dicas maravilhosas. Você é minha terapeuta rs.
    Parabéns pelo belo trabalho.

    Resposta
  • novembro 27, 2016 em 2:33 pm
    Permalink

    Olá Gica
    Muoto lindo seu texto, pura reflexão. Me idenfiquei com você. Agradecida! Muito sucesso pra você!

    Resposta
  • janeiro 23, 2017 em 1:13 pm
    Permalink

    Olá Gica, o artesanato é uma terapia para mim, preenche tanto meu espaço que quando entro no meu ateliê esqueço até que tenho que comer. O dia é pequeno, quando vejo já está na hora de parar. Amo o que eu faço, e quero aprender sempre mais.

    Resposta
  • janeiro 26, 2017 em 1:15 am
    Permalink

    Concordo com tudo que vc disse . Nao desinto nunca e adoro ver um trabalho finalizado . Minha satisfação é imensa quando entrego minhas encomendas e deixo satisfeitas minhas clientes e amigas .

    Resposta
  • março 31, 2017 em 3:52 am
    Permalink

    Gica, seu artigo é muito bom. Comecei a acompanhar os seus trabalhos artesanais a pouco tempo e adorei. Vc é uma pessoa muito espontânea, comunicativa e ensina de uma forma prática e objetiva.

    Resposta
  • abril 9, 2017 em 2:04 pm
    Permalink

    Vc tem razão, quando disse que íamos achar que vc estava falando de nós, pelo menos eu achei.Claro que não sou empresária como vc, mas pra mim que estou começando, leio e assisto tudo referente a artesanato, e, me arrisco a fazer de tudo um pouco, se não dá certo, jogo fora e não tem cobrança nenhuma, mas tento até conseguir.Artezanato uma terapia para os sábios rsrsrs, beijos e minha admiração por vc…..

    Resposta
  • maio 1, 2017 em 2:12 pm
    Permalink

    Amo stu trabalho Gica e vc é uma pessoa iluminada com um carisma sem igual. Nao vejo a hr de terminar meus afazeres de casa pra começar meus trabalhos com artesanato … obrigada e Deus te abençoe! Bj

    Resposta
  • maio 20, 2017 em 3:33 pm
    Permalink

    amo todos os artesanatos mas ando tão desanimada que não tenho coragem pra nada me ajuda a me coraja preciso do seu ritimo

    Resposta
    • junho 2, 2017 em 11:45 pm
      Permalink

      Rosi o mais dificil que eu acho, é o COMEÇAR…sabe quando bate o desânimo?
      Dai quando conseguimos começar, engatamos a segunda marcha e vamos embora rsrsrsrs

      Resposta

Deixe uma resposta para Zuleide Tavares Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.